CAMINHOS SEGUROS: Polícia Civil encerra operação com várias investigações finalizadas

Com ações repressivas e preventivas, a PCRR (Polícia Civil de Roraima), por meio da DPCA (Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente) encerrou as atividades referente à Operação Caminhos Seguros, lançado pelo MJSP (Ministério da Justiça e Segurança Pública) alusivo ao Maio Laranja.

De acordo com informações prestadas pela delegada titular da DPCA, Jaira Farias, a operação teve início no dia 02 de maio e se encerrou no último dia 20. As ações repressivas resultaram em diligências para o cumprimento de 11 mandados de prisão, dos quais cinco foram cumpridos em Boa Vista e dois pela equipe da Delegacia de Normandia. Desses, quatro ainda não foram cumpridos e as diligências continuam para localizar e prender os envolvidos. A equipe da DPCA cumpriu também um mandado de busca e apreensão, instaurou 20 IPs (Inquéritos Policiais) por portaria. Além disso, 17 inquéritos tiveram as investigações finalizadas e os relatórios encaminhados à Justiça.

“Desses mandados de prisão cumpridos, dois deles foram por sentença condenatória de dois homens sentenciados pela Justiça por crimes de estupros de vulneráveis contra crianças. Sendo que um foi condenado à pena de 36 anos e outro de 22 anos e seis meses”, detalhou a delegada.

A operação Caminhos Seguros também participou de panfletagem que levou reflexão sobre a importância de proteger as crianças e adolescentes, além de palestras em Boa Vista, Alto Alegre e Caracaraí.

“Foi um período curto de ação, mas bastante positivo, principalmente quando cumprimos o mandado de prisão de pessoas que eram procuradas por crimes contra crianças e adolescentes. Também levamos orientação a vários estudantes sobre segurança e como podem se proteger para não serem vítimas de violência sexual”, disse a delegada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para o conteúdo